Iémen

Sana'a

Localizado na extremidade do sudoeste da Península Arábica, o Iémen (1990) é um país rico em vestígios arqueológicos e marcos históricos, mas de já muito difícil acesso. O turismo não é uma atividade próspera até porque as condições do país não o permitem. Apesar da hospitalidade das suas gentes, os conflitos permanentes e os ataques dos rebeldes fazem deste um já quase país proibido para os turistas.
Com uma economia rural e agrícola, este é o país mais pobre do Médio Oriente e aquele onde se registam dos mais elevados níveis de mortalidade infantil. Estes factos atiram para segundo plano o que o país tem de melhor, nomeadamente os quatro locais considerados Património Mundial pela UNESCO. A capital do Iémen, Sanaa, é um deles. A parte antiga da cidade está amuralhada e são também altos muros os que cercam os três bairros principais - o árabe, o judeu e o turco. Com cerca de 103 mesquitas, a parte antiga da cidade tem como atrativos principais as típicas casas ocre com ornamentos brancos, o Mercado Central (Suq al-Milh), a Grande Mesquita, a Mesquita Salah ad-Din e a Mesquita al-Bakiliya. O Museu Nacional e o Museu Militar também merecem visita. Nesta lista insere-se também a Cidade Histórica de Zabid, uma cidade com um traçado militar de grande valor arquitetónico. Um dos mais antigos exemplos da planificação urbanística vertical é a Cidade Amuralhada de Shibam, que também aqui merece destaque. As suas construções em altura valeram-lhe a alcunha de "Manhattan do Deserto". Por motivos diferentes, há um quarto local classificado pela UNESCO e verdadeiramente imperdível, o Arquipélago de Socotra. É um riquíssimo território em biodiversidade, são cerca de 800 as espécies endémicas, sobretudo plantas e espécies marinhas. Descoberto por portugueses, este arquipélago, de quatro ilhas, foi já palco de vários conflitos, apesar do seu isolamento, o que também inviabiliza a visita de turistas.
Além dos locais classificados pela UNESCO, são muitos os povoados que refletem bem a diversidade e a cultura do Iémen. Wadi Dhahr e o seu Palácio de Pedra, Hajja, Manakha, Marib (antigo Reino de Sabá) e a antiga cidade portuária de Aden, em Jabal Shamsan, são importantes marcos da história do Iémen. Sayun, a Cidade das Palmeiras, no maior deserto da península, o Wadi Hadhramawt, é também um local a visitar, se for possível uma viagem a este país que, apesar de rico em história, ainda está muito aquém de ser um território tranquilo, seguro e com condições para o desenvolvimento da atividade turística.

Iémen

  • Iémen (YEM)
  • Capital:
  • Região: Asia (Western Asia)
  • Fuso Horário: +03:00
  • Denominação: Yemeni
  • Area: 527,968.000 km2
  • Fronteira com:
    OMN, SAU
  • População: 27,478,000.000
  • Lingua: Arabic
  • Moeda: Yemeni rial
  • Internet: .ye
  • Telefone: +967