Sérvia

País da Península Balcânica, a Sérvia guarda marcas de um passado rico em História, mas sobretudo patenteado pelo conflito armado. Separado do Montenegro desde 2006, este é um país ainda em desenvolvimento e que mantém problemas sociais, económicos e até políticos. O Kosovo é talvez o maior dos problemas. Na faixa Sul do território, o Kosovo reivindica a sua independência, já aceite por vários países, mas a Sérvia continua sem ceder e mantém a região como autónoma mas dependente.
É precisamente no Kosovo que se encontra um dos locais que a UNESCO classifica como Património da Humanidade: os Monumentos Medievais, um conjunto de igrejas ortodoxas e mosteiros, que misturam a Arte Bizantina com a Românica. O Mosteiro Decani, o Patriarcado do Monastério de Pec, a Igreja de Nossa Senhora de Ljevis e o Monastério Gracanica formam o conjunto, inscrito na lista de Património em risco. O mesmo não acontece com os outros três locais classificados: Gamzigrad-Romuliana, perto da cidade de Zajecar, uma antiga povoação romana onde ainda se podem apreciar templos, banhos, portas, mosaicos e as ruínas de um imponente palácio, Stari Ras e Sopocani, um conjunto de monumentos medievais, com fortalezas, igrejas e monastérios, e ainda o Mosteiro Studenica, onde repousam os restos mortais de alguns reis da Sérvia e onde foi fundada a Igreja Ortodoxa Sérvia. O Mosteiro está cercado por uma enorme muralha circular e merece uma visita atenta, nomeadamente ao museu.
Museus também abundam na capital do país, Belgrado, a maior cidade dos Balcãs e uma das mais antigas da Europa. Com uma vida cultural dinâmica e uma vida noturna animada, a capital sérvia cativa cada vez mais turistas. A Fortaleza, o Templo de São Sava, a Catedral de São Marcos, a Rua do Príncipe Miguel, a Praça Nikola Pasic, a Cidadela Kalemegdan, a Ponte Sava, a Torre Genex, o Monumento Pobednik ou a ilha-oásis no rio Sava são as atrações turísticas mais populares da maior cidade do país.
Mais a Norte, Novi Sad é a segunda cidade do país e um importante centro industrial e cultural. Na capital da região da Voivodina podem apreciar-se diferentes monumentos importantes, como a Câmara, a Catedral Ortodoxa de São Jorge, o Museu de Voivodina, a Fortaleza Petrovaradin e a Ponte da Liberdade. De destacar ainda as praias que o Danúbio oferece na cidade, muito frequentadas por habitantes e turistas também. É já no Sudeste que se encontra a terceira cidade da Sérvia, Nis. A Catedral da Santíssima Trindade, a Fortaleza, o Teatro Nacional e o Campo de Concentração Crveni Krst são locais imperdíveis nesta cidade.
Três outros locais são de marcação obrigatória no mapa de visita à Sérvia: a Fortaleza de Golubac, com 7 torres e algumas partes submersas pelo Danúbio, as Portas de Ferro, também no desfiladeiro percorrido pelo Danúbio, que servem de fronteira com a Roménia, e, no Sul, Davolja Varos, cerca de 200 torres em pedra, formações rochosas que a erosão transformou em autênticas obras de arte. Já para os amantes da Natureza, nada como desfrutar dos 5 parques nacionais, onde a fauna e flora do país estão bem marcadas: Fruska Gora, Kopaonik (onde também abundam monumentos importantes), Tara, Derdap e Sar-Planina. Os parques, a par das montanhas (com numerosas estâncias de esqui) e dos balneários e spas são verdadeiros ?petiscos? para os turistas amantes da prática desportiva e da Natureza.
De volta ao Kosovo, também abundam locais a visitar, embora a região esteja repleta de marcas das guerras que assolaram o país. É em Pristina que se concentram os monumentos principais, como a Torre do Relógio, a Mesquita Imperial, a Catedral de Cristo Salvador, o Monumento da Irmandade e Unidade, o Monumento Nacional dos Mártires ou o Parque I Qytetit ou o Taukbatques.
Apesar dos problemas que ainda enfrenta, a Sérvia é um país com muito para dar. Não faltam belezas naturais, proporcionadas em parte pelas margens do Danúbio, os parques e as montanhas, não faltam cidades animadas e não escasseiam monumentos que contam a História de um país recente e ainda em evolução. Apagassem-se os conflitos, estariam reunidas as condições perfeitas para uma viagem ao país.

QRCode: Sérvia



Área: 88.361 km²

População: 10.147.398

Capital: Belgrado (1.639.121)

Per capita (US$): 3.142

Língua: Sérvio

Religião: Cristianismo (Ortodoxo Sérvio)