França

A França, o chamado ?héxagono europeu?, pela sua forma, é uma das maiores potências económicas do mundo e o terceiro maior país da Europa em área. Num território tão vasto cabem riquezas para todos os gostos, desde montanhas a praias, zonas rurais a cidades enormes e cheias de vida, cidades antigas e marcas clara do desenvolvimento atual. Além do território continental, a França integra ainda a Córsega, ao largo do Mediterrâneo, e uma série de territórios ultramarinos, no Caribe, no Pacífico, no Índico, em África, na Oceânia ou na região Austral, restos de um império construído ao longo de séculos. Em dois destes territórios encontramos locais classificados pela UNESCO: as lagoas e ecossitemas da Nova Caledónia e os maciços vulcânicos,bosques e lagoas das Pítons, nas Ilhas Reunião.
Maior destino turístico do mundo, a França encontra-se situada entre duas cordilheiras montanhosas, os Pirinéus, a Ocidente, e os Alpes, já na fronteira com os países do Centro da Europa. Várias estâncias de ski e fontes termais marcam as duas cordilheiras, que acolhem milhares de visitantes. As fantásticas formações rochosas do Monte Perdido, nos Pirinéus, bem como as casas palafitas do sopé dos Alpes, são Património Mundial e dois locais imperdiveis, assim como o Monte Branco, ponto mais alto dos Alpes, com 4810 metros de altitude. A fauna e flora em ambas as cordilheiras também são admiráveis.
Dos picos nevados para as praias cheias de sol. O Sul de França é também atrativo para os turistas ao apresentar belas estâncias balneares banhadas pelo Mediterrâneo. As praias de Nice, a zona de Carcassone (cidade Património Mundial), a região da Riviera Francesa, conhecida por ser frequentada por personalidades famosas, ou a Córsega (e o encantador Golfo do Porto, classificado pela UNESCO) são os locais de eleição para os admiradores da praia e dos desportos náuticos.
Cidade mais visitada do país, Paris é também a capital. A ?Cidade-Luz? tem centenas de locais que merecem uma visita. A Torre Eiffel, a Avenida dos Campos Elísios, o Arco do Triunfo, a Catedral de Notre-Damme de Paris, Montmartre, a Ponte de Artes e a Ponte Nova, as óperas e as salas de espetáculos, bem como o Panteão e os famosos museus do Louvre, D?Orsay, Beaubourg ou o Centro Pompideu são apenas exemplos do que esta metrópole europeia tem para oferecer. A beleza da mais romântica das cidades pode ser admirada a bordo de um barco no rio Sena, cujas margens a UNESCO classificou como Património Mundial. O parque temático da Disneyland é outro ponto turístico por excelência em Paris.
Mas a capital é apenas uma amostra do que se pode encontrar neste vasto país, recheado de palácios, castelos e catedrais que constam da lista da UNESCO e são testemunhos únicos da História do país, da arquitetura europeia e do evoluir dos tempos. A Abadia de Saint-Savin-Sur-Gartempe, a Catedral de Amiens, os Monumentos de Arles, os Campanários Franceses, a Catedral de Bruges, a Catedral de Notre-Damme e Abadia de Saint Rémi e o Palácio de Tau, a Catedral de Chartres, a Abadia de Fontenay, o belíssimo Mont-Saint-Michel, o Palácio de Fontainebebleau (que introduziu o Modernismo na Europa), o Palácio de Versalhes (o mais famoso de França) e a Igreja de Vézelay são apenas exemplos de edifícios que certamente marcarão qualquer turista que os visite.
O país está ainda recheado de várias rotas, que permitem conhecer as caraterísticas de cada região. Há rotas para conhecer os castelos, para ver os palácios, para apreciar a arte dos cemitérios, ou conhecer os parques e reservas naturais franceses. Outras rotas, que também são Património da Humanidade, são as que que conduzem a Santiago de Compostela, no Noroeste de Espanha. No Norte de França, destaque para um percurso classificado e um dos mais apreciados pelos turistas, o do Vale do Loire, chamado de ?jardim de França e berço da língua Francesa?. Marcas do Renascimento e do Iluminismo podem ser apreciadas nesta região, uma das mais férteis regiões do país. Mais a Sul, mais uma região fértil é classificada pela UNESCO: é a que encontramos em Cévennes.
Andando para trás no tempo, encontramos em território francês marcas de outros tempos, também dignos de uma visita cuidada, nomedamente a cidade episcopal de Albi, perto de Toulouse, as fortificações de Vauban, as salinas da Idade Média, em Jupa, a Ponte do Gard, no Sul de França, o Teatro Romano e o Arco do Trinfo de Orange ou ainda os 147 sítios préhistóricos e 25 grutas do Vale do Vézère.
O Canal do Midi (em Toulouse), o mais antigo da Europa, o centro Histórico de Avignon (onde residiram vários Papas), a cidade histórica de Lyon, a cidade de Havre (reconstruída por Perret depois da II Grande Guerra), as vilas pitorescas de Saint-Emilion, a cidade medieval de Provins são mais alguns locais que anulamente cativam as visitas de turistas de todo o mundo, que percorrem a França de fio a pavio.
Quem optar por um percurso pelas cidades principais, além de Paris, há que conhecer Marselha, na Provença, com o maior porto do país. Lyon, com as suas colinas, a Torre Rosa ou o Templo de Cibele, também é imperdível, assim como Toulouse, a ?cidade rosa?, onde se destaca a catedral e as pontes sobre o Rio Garona. O Passeios dos Ingleses, o castelo, os museus e as praias são os maiores tesouros de Nice. Considerada a ?cidade com mais vida da Europa?, também Nantes vale uma visita. Montpellier, uma cidade que mistura o antigo e o moderno de forma soberba, é também uma cidade a conhecer, tal como Bordéus, com o seu fascinante Porto da Lua, Património Mundial. Os monumentos aos combatentes das Guerras Mundiais valem uma visita a Lille, já perto da fronteira com a Bélgica. Limoges, famosa pelas porcelanas, Grenoble (no sopé dos Alpes) são mais dois locais a não perder. Sede do Parlamento Europeu, Estrasburgo é mais uma joia francesa. Além da importância comunitária, a cidade, nas margens do Ródano, cativa pelas pontes, palácios e castelos.
A concentração de monumentos em França é impressionante. Se a ela aliarmos o romantismo de Paris, as paisagens vinícolas do Sul, os famosos picos montanhosos, as praias quentes do Mediterrâneo e da Córsega e a imponência dos palácios, castelos e jardins, facilmente percebemos por que é este país o mais visitado do mundo.

QRCode: França



Área: 543.965 km²

População: 65.447.374

Capital: Paris (2.193.030)

Per capita (US$): 44.400

Língua: Francês

Religião: Cristianismo