Suazilândia

Suazilândia ? Pequeno e montanhoso, este país da África Austral, independente desde 1968, continua a enfrentar graves problemas no que toca ao desenvolvimento social. Com uma sociedade ainda constituída por clãs, onde a poligamia é admitida, a Suazilândia tem uma esperança média de vida que não chega aos 40 anos, além de ser um dos que maior taxa de contaminação por HIV apresenta. Dados recentes mostram que um terço da população está infetada com o vírus da SIDA.
Mantendo ainda uma monarquia absoluta, a Suazilândia tem duas capitais. Mbabane é a capital administrativa e Lobamba a legislativa. A primeira cidade, localizada nas Montanhas Mdimba, vive essencialmente do Turismo e da exportação de açúcar. Já Lobamba acolhe o Palácio bem como um importante museu, onde se pode conhecer um pouco da história e da cultura do povo swazi.
Em termos geográficos, o país encontra-se dividido em quatro regiões: o Alto Veld, continuação da Cordilheira de Drakensberg e onde se encontra o pico mais alto do território, o Médio Veld, que ocupa um quatro do território e é constituído por planatos, o Baixo Veld, uma zona mais plana e com solos mais férteis e a região de Lubombo, um pequeno maciço. Os planaltos cobertos por savanas e pastagens são muitas vezes palco de safaris, uma das atividades mais exploradas pelo turismo.
Uma fauna rica leva os turistas até às vastas reservas naturais e parques nacionais, como a reserva Mkhaya, que alberga várias espécies em vias de extinção, a reserva Mlawula, com belas paisagens e muitos répteis, o Parque Real Hlane ou o Santuário de Vida Selvagem Mlilwane, no vale do Ezulwini, onde se podem apreciar várias espécies, como girafas, zebras ou rinocerontes.
Além da riqueza natural, aos turistas também costumam captar a atenção as pequenas vilas e aldeias típicas da região. Com construções simples e muito caraterísticas, as casas do povo swazi são outra riqueza da história do país. A região de Mantenga é privilegiada neste aspecto, com várias casas deste género mesmo junto às estradas. Em Mantenga avista-se ainda o ?Execution Rock?, local de onde, segundo reza a história, os criminosos eram convidados a lançar-se.
Piggs Peak, com interessantes mercados de artesanato e as belas cascatas de Phophonyane, também é um ponto turístico do país. Destaque ainda para Manzini, no centro do território, onde têm lugar dois eventos culturais de extrema importância, o Reed Dance, em honra da rainha mãe, e o Inawalakingship, em honra do rei. Danças tradicionais recheiam os eventos, que provam que apesar das dificuldades e do atraso em termos de desenvolvimento do país, as gentes que o habitam não perdem a vontade tipicamente africana de dançar e libertar-se das preocupações através da música e do perpetuar das tradições.

QRCode: Suazilândia



Área: 17.364 km²

População: 1.128.814

Capital: Mbabane (76.218), Lobamba (4.557)

Per capita (US$): 4.836

Língua: Inglês, Suázi

Religião: Cristianismo